O Campeonato Paulista de Basquete é uma competição tradicional do calendário esportivo de São Paulo e é sempre muito aguardado pelos fãs de basquete. Em 2019, o torneio contou com a participação de 10 equipes: Paulistano, Pinheiros, São José, Corinthians, Mogi das Cruzes, Franca, Bauru, Osasco, Rio Claro e América.

Cada uma das equipes enfrentou as outras em jogos emocionantes e disputados a cada bola. Os jogadores também não decepcionaram, mostrando todo o seu talento e habilidade nas quadras. Destaque para Alexey Borges, jogador do Corinthians, que foi o cestinha da competição, marcando 354 pontos, seguido de perto por Lucas Dias, do Franca, com 332 pontos.

Os pontos também foram destaque na competição, com muitos jogos decididos por pequenas diferenças. O placar mais elástico foi a vitória do Franca sobre o América por 113 a 50. Já o jogo mais emocionante foi a semifinal entre Bauru e Paulistano, que terminou empatada em 83 a 83 no tempo regulamentar e foi decidida apenas na prorrogação.

A grande final do campeonato foi disputada entre Franca e Corinthians e não poderia ter sido mais emocionante. O jogo terminou empatado em 93 a 93 no tempo regulamentar e só foi decidido na prorrogação, com a vitória do Franca por 106 a 101. O time de Franca conquistou o título de campeão paulista de basquete em uma partida emocionante e cheia de reviravoltas.

Além do título, o Franca também teve o MVP (jogador mais valioso) da competição, Lucas Dias, que foi peça fundamental na conquista do campeonato. Outros destaques individuais do torneio foram Georginho, do São Paulo, que liderou a categoria de assistências, com uma média de 7,2 por jogo, e Caio Torres, do Corinthians, que liderou a categoria de rebotes, com uma média de 10,6 por jogo.

O Campeonato Paulista de Basquete 2019 não apenas consolidou o basquete paulista como um dos mais fortes do país, como também mostrou a qualidade dos jogadores e equipes que disputaram a competição. Espera-se que em 2020 o torneio seja ainda mais emocionante e que novos talentos surjam nas quadras.